Tecnologia

Aprenda em casa: aplicativos que ajudam no ensino de idiomas

O conhecimento acerca de outra língua agrega no currículo e aumenta a possibilidade de contratação

Texto: Caroline de Borba e Paula Dagostin
Foto: William Iven

O uso de smartphones não se reduz apenas ao lazer. Com o aprimoramento dos aplicativos, os usuários podem aprender outros idiomas e utilizar seus telefones para o conhecimento. Para a professora de inglês, Denise Beatriz Ayroso, o acesso favorece no empenho do aluno. “Os apps são, de maneira geral, um grande aliado ao ensino de línguas, pois as pessoas têm seus aparelhos praticamente o tempo todo, então o acesso é bem mais fácil”.

Os aparelhos tecnológicos que permitem a mobilidade como celulares, tablets e notebooks facilitaram e agilizaram diversas atividades, como trabalhar a distância, pagar contas e se comunicar. No entanto, além de facilitar o contato com pessoas distantes, com alguns aplicativos disponíveis, o auxílio na comunicação assume outro patamar, o de aprender um novo idioma.

Aplicativos como LinguaLeo, Babbel, Bussu, Rosetta Stone e Duolingo estão à disposição para serem baixados gratuitamente. Com eles, é possível aprender desde o tradicional inglês, espanhol até o idioma indonésio. A praticidade e facilidade de acesso são algumas das vantagens oferecidas pelos aplicativos.

20171126_154827
Existem vários aplicativos para a prática de outros idiomas (Foto: Paula Dagostin)

Para a bancária Bruna dos Santos, a maior vantagem dos aplicativos de idiomas é a conveniência e não a qualidade do ensino em si. “Eu vou fazer um curso de inglês, mas o aplicativo foi pela conveniência. Quando não tem nada para fazer, em vez de ir jogar algum joguinho eu acabo usando o aplicativo. Porque é por base de perguntas e tem várias medalhinhas, então você faz para ir alcançando o objetivo e desbloquear os outros níveis”.

De acordo com a professora de inglês Marcella Barontini, apesar dos aplicativos serem ótimas ferramentas para a prática do idioma desejado, dependerá da dedicação do aluno para que o ensino seja proveitoso. “É muito difícil que, apenas por meio destes aplicativos, o aluno consiga ter proficiência em todas as habilidades como a fala, a escrita, a leitura e o entendimento acerca do que está sendo falado. Mas são ótimos meios de se praticar a língua desejada constantemente”.

Bruna, que usa o Google Translate para tirar dúvidas e o Duolingo para aprender inglês e espanhol, acredita que o aprendizado até possa ser eficaz, mas depende muito do usuário. Além disso, afirma que a pronúncia é algo que não se pode aprender por meio de aplicativos. “Eu acho que é eficaz, mas vai muito da força de vontade. Porque como é um aplicativo que está no celular, é você que vai determinar o tempo para realizar a atividade. Não é igual um curso que você tem a obrigação de fazer”.

As professoras Marcella e Denise reforçam que os aplicativos contribuem para o aprendizado como um todo, mas ressaltam que o vocabulário do aluno melhora quando adicionado esse contato com a língua estudada. “O uso dos aplicativos reforça o aprendizado, pois há mais contato com o idioma, ajudando na melhora da gramática e vocabulário, compreensão escrita e oral, expressão oral e produção escrita”, explica Denise.

IMG_8792
O aplicativo Duolingo possui diversas opções para falantes de português (Foto: Caroline de Borba)

O uso desses aplicativos é indicado para todas as idades, desde crianças até os mais velhos. Como dispõe de conteúdos lúdicos e recreativos, com figuras e por meio da repetição de palavras, os apps podem ser um aliado na inserção de outro idioma na vida da criança. “Os pequenos gostam de aprender de forma divertida, com cores e animação. Portanto, os aplicativos são ótimas opções para ensinar outro idioma de forma leve, sem se tornar uma obrigação para as crianças”, ressalta Marcella.

A fluência em outros idiomas contribui para a contratação em cargos com salários maiores, diminui a concorrência e abre um leque maior de opções para seguir carreira. Por ser a segunda língua mais falada e uma das mais utilizadas no mundo dos negócios, a proficiência em inglês é um diferencial na hora da contratação de um funcionário, mesmo que a empresa não seja uma multinacional.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s