Arte e Cultura

Que arte fazer? Oficina de escrita criativa é opção em Balneário Camboriú e região

Para quem curte literatura, mas ainda não se sente a vontade de expor pro mundo seus pensamentos, é oferecido em Balneário Camboríu, uma oficina que pode acabar com esse problema.

Para quem curte literatura, mas ainda não se sente à vontade de expor pro mundo seus pensamentos, é oferecida em Balneário Camboriú uma oficina que pode acabar com esse problema. 

Texto: Any Costa, Carolina Santana e Gustavo Vasconcelos

Conhecida por suas atrações de lazer e turismo, Balneário Camboriú tem conseguido chamar atenção também por suas opções culturais. Para os amantes de literatura, a 1ª edição da série de reportagens “Que arte fazer?” traz a oficina de Escrita Criativa como uma ótima opção. Ela acontece atualmente no Lote84 – Centro de Ocupação Artística, que trabalha de forma independente fomentando diversas práticas artísticas. Seu espaço fica na Praia dos Amores, Rua Ernesto G. Nº 84.

Desenvolvendo ideias, noções de narrativa e a construção de personagens, a oficina de escrita criativa trabalha com referências, repertório original, vozes narrativas, produção e edição de poemas, contos, novelas e outros. As aulas acontecem semanalmente, geralmente acompanhadas de três ou mais exercícios por período, com todo o suporte do ministrante Luis Rafael Monteiro.

A ideia de Luis é justamente aperfeiçoar a escrita das pessoas por meio de suas referências, técnicas e exercícios. Todas as atividades são desenvolvidas e corrigidas em aula. O gênero trabalhado em sala é o de ficção, da qual o próprio é especialista e já tem alguns livros publicados.

15178204_1841295622780784_4169167554182460730_n
Luis Rafael Monteiro, escritor e editor.

“Tive a ideia de produzir a oficina em Balneário Camboriú pois já participei de algumas oficinas de mesmo cunho em São Paulo e meu primeiro livro foi fruto de uma oficina que tive com o grande escritor pernambucano Marcelino Freire. Após essa experiência como escritor tomei gosto em editar livros, textos, e até então aplico isso em minhas oficinas”, comenta Luis, antes de iniciar mais uma de suas aulas na terceira turma da oficina.

O retorno de quem comparece às aulas é sempre positivo. A estudante Vitória Vargas, por exemplo, disse que conheceu a oficina através do Facebook e logo após ouviu falar muito bem sobre a mesma em diversos grupos de amigos. Fez parte da segunda turma e comenta que o bacana é como através das atividades é possível desenvolver um texto, já que os temas são preestabelecidos. “Isso ajuda muito a dar um norte para o escritor que às vezes se perde na imensidão de temas. Outra prática legal é colocar os personagens em situações complicadas. O Luli parece que adora fazer a gente matar um personagem principal.” Ela afirma que sua escrita melhorou muito depois da oficina e indica para todas as pessoas que pensam e gostam de esboçar seus pensamentos através das palavras.

vitoria.jpg
Vitória Vargas, de branco, no centro da mesa de uma das aulas da oficina.

O ambiente da aula é descontraído, fazendo com que todas as pessoas se sintam à vontade, dessa forma o estímulo em produzir é diferente. Eliza Doré confirma isso. Ela diz que a oficina proporciona uma atmosfera única, principalmente uma escrita voltada à ficção e literatura. O ambiente é propício para exprimir o puro da arte. Segundo ela, em sua última aula o ápice foi quando o professor do nada colocou uma música erudita que a fez desenvolver coisas que não estavam em seu brainstorm até então. “Você se sente em casa não estando em casa, você é livre, pode beber, comer, rir, fazer qualquer coisa e o resultado final é um excelente texto”.

Oficina
Ambiente do Lote84 no momento de uma das aulas da oficina de escrita.

A oficina tem duração geralmente de dois meses. O investimento é de R$ 600, sendo a primeira parcela a confirmação da inscrição. Mais informações podem ser adquiridas através da página do Facebook do Lote84, pelo email estudiolote84@gmail.com e pelo telefone (47) 9 9902-3235.

Para quem é ligado na área literária, o SESC de Itajaí faz parte da rota do “Arte das palavras”, um projeto literário de âmbito nacional, que é realizado em formato de circuitos, com representantes da diversidade literária brasileira, que percorre 12 estados. O objetivo é oferecer ações que atuem em toda a cadeia da literatura, incluindo a formação e a divulgação de novos autores, a valorização das novas formas de produção e fruição literária, possibilitadas pela emergência de discursos periféricos e a utilização de novas tecnologias, promovendo o intercâmbio de artistas e a formação de leitores. As oficinas acontecem algumas vezes por ano. Para saber mais: R. Alm. Tamandaré, 259 – Centro, Itajaí – SC (0800 645 5454).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s