Economia

Influenciadores digitais e o novo formato de publicidade

Jovens consumidores mostram que essa relação entre empresas e personalidades da internet pode ser uma forma efetiva de vendas

Com a grande adesão às redes sociais, a publicidade busca se adequar ao formato de anúncios através dos influenciadores digitais. Jovens consumidores mostram que essa relação entre empresas e personalidades da internet pode ser uma forma efetiva de vendas

Texto: Duda Cagneti, Anna Paola Paraná e Daiane de Souza

É tempo de entender melhor como funcionam as novas mídias e como o mundo está se ajustando a elas. Com a internet e a grande interação promovida nas redes sociais, algumas pessoas se tornaram o que hoje chamamos de “influenciadores digitais”. Mas o que exatamente torna alguém um influenciador? O professor do curso de Publicidade e Propaganda da Universidade do Vale do Itajaí, Marco Pinheiro, explica o fenômeno: “A possibilidade que estas plataformas (redes sociais) trouxeram de manutenção de laços sociais entre pessoas, aliada à possibilidade de produção descentralizada de conteúdo, acabou por tornar fértil o terreno para que determinadas pessoas se sobressaíssem, e passassem a ser chamados influenciadores”.

A partir disso alguns mercados começaram a mudar e se ajustar a esse novo momento. A forma como as pessoas consomem produtos não é mais a mesma. Hoje em dia é possível comprar quase qualquer coisa na internet. A partir disso, as empresas se moldaram a esse novo formato e se apropriaram da influência dessas pessoas de grande alcance nas mídias sociais. Os segmentos de moda e entretenimento, segundo Marco, são os que chamam mais atenção das grandes marcas por serem os mais influentes.

Exemplo de post com publicidade no Instagram da Jade Seba (@jadeseba

Jade Seba é uma das blogueiras brasileiras mais conhecidas dessa área. Com quase 2 milhões de seguidores no Instagram, observa que seus fãs adquirem muitos produtos por causa de sua indicação. A jornalista Thamiriz Garcia, de Itajaí, Santa Catarina, também é blogueira (blogdamiriz.com.br). Ela segue em busca de mais reconhecimento na área, mas já se considera influência no ramo. Thamiriz conta que seus seguidores sempre buscam saber o que ela está usando e ela nota que essas postagens são uma forma que suas leitoras encontram de se inspirar.

Esse é exatamente o objetivo de Maria Luiza Dalla-Bona (21), estudante de odontologia, que acompanha diariamente suas blogueiras de moda favoritas. Sempre observa o que elas vestem para estar a par das tendências e, claro, adquirir os produtos. Maria Luiza acredita que esses influenciadores são as vitrines dos tempos atuais. “Vejo elas usando e não preciso mais nem sair comprar, pois tem lojas virtuais para isso! É muito efetivo, elas representam estilo para nós e quando gostamos do que vemos, acabamos consumindo”. Ao ser questionado sobre esse novo formato de publicidade, o professor Marco Pinheiro explica que o mercado está se adequando a esta realidade. “Não considero um novo formato, temos apenas a mudança do meio. Antes deles, atores de televisão já faziam as vezes de influenciadores e eram usados pelas marcas. O uso de influenciadores como estratégia é complementar às demais mídias”, explica.

Um influenciador digital pode estar em qualquer plataforma na internet, seja um blog, uma conta no Instagram, um canal no Youtube, ou até mesmo todas elas. Beatriz Linheira (21), estudante de medicina veterinária, acompanha os influenciadores digitais que mais gosta durante todo o dia, principalmente através do Youtube e Instagram. A partir dessa rotina, Bia já adquiriu diversos produtos indicados ou apenas citados por alguma dessas pessoas. “Eu acho que essa é uma nova forma de publicidade porque hoje em dia é todo mundo conectado no celular, 24 horas por dia. Não é só uma forma de promover o youtuber ou blogueiro, é também uma forma das marcas terem mais visibilidade nos dias de hoje”, explica.

E por falar nessa relação entre o influenciador e as empresas, como funciona?

Marcos Pinheiro explica que é um processo de estudo, a publicidade ainda está procurando entender como e quando utilizar esse novo canal. “Antes de pensar em usar um influenciador, a empresa deve acompanhar e entender se esta pessoa conversa com o público da marca”. O influenciador também deve entender do produto que está indicando para as pessoas que o acompanha, principalmente para garantir a sua credibilidade. Jade Seba tem uma equipe de assessoria que faz os contatos de anúncios, mas tudo passa por ela, que analisa se a marca tem a ver com ela e seu estilo de vida. Mas também existem ações das empresas que enviam cortesias sem relação contratual, apenas para o influenciador conhecer a marca. A blogueira explica que tudo que recebe aparece em suas redes sociais com agradecimento pelo carinho: “depois que eu vou realmente experimentar, usar. Eu costumo usar em meu dia a dia e acabo postando novamente falando da minha experiência! Os que eu não me identifico muitas vezes presenteio alguém da minha família ou amigos próximos, que tem mais a ver com o produto”.

Thamiriz Garcia, do Blog da Miriz, no Talk Show com Mônica Salgado, convidada pelo Balneário Camboriú Shopping

Essa também é a opinião de Thamiriz, que não aceita fechar qualquer tipo de publicidade que não tenha afinidade. Já negou propostas por isso. Sua relação com as empresas acontece com o tempo, mas a maioria delas costuma procurá-la para alguma parceria. “Eu recebo produtos e normalmente eles vêm em formato de presente mesmo, não ganho nada em troca. Apenas falo sobre ele se eu quiser. Mas também existem postagens de ‘publi’, em que existe uma troca de valores”, explica. Além de produtos físicos, sua presença também é requisitada. Recentemente, a blogueira participou de um Talk Show no Balneário Camboriú Shopping com Mônica Salgado, a convite da própria equipe do local e da marca de bolsas Laci Baruffi.

Há diversas formas de parceria para explorar com os influenciadores digitais, principalmente porque existem muitos ramos para atuar. A Editora Photos – empresa que se dedica ao ensino de fotógrafos com eventos, cursos, livros e conteúdo – buscou em blogueiras de casamento uma forma de promover e agregar o Concurso Wedding Brasil de Fotografia Impressa. A competição vai acontecer no congresso Wedding Brasil, que tem como assunto principal a fotografia de casamento. “A ideia é que essas blogueiras de casamento deem um espaço para quem for destaque no concurso, já que elas têm milhares de seguidores, para dar visibilidade para esses fotógrafos e fazer eles se interessarem ainda mais pelo nosso concurso”, explica Bruna Haut, assessora da empresa. Dessa forma, a empresa alcança um público maior para seu evento com o atrativo de que eles também terão uma grande exposição ao seu público alvo: noivos e noivas.

Exemplo de publicação de produto e convite que a blogueira Thamiriz Garcia recebe sem relação contratual de publicidade (Foto retirada do Instagram @blogdamiriz)

Independente da área, qualquer empresa consegue espaço para divulgar seu produto ou serviço através da influência de personalidades reconhecidas na internet. Para Thamiriz, essa relação é como um reflexo, uma forma das pessoas se inspirarem. “A influência hoje é muito grande e as pessoas estão cada vez mais consumistas. Então, o negócio acaba dando certo”. Jade Seba também vê como um formato eficiente de publicidade, pois os influenciadores realmente testam e se identificam com as marcas, e que a partir disso seus seguidores ficam mais seguros para usar e comprar.

A reportagem fez uma pesquisa em um grupo de jovens – entre 20 e 25 anos – no Facebook e descobriu que a maioria (90%) acompanha influenciadores digitais e que mais da metade (62%) já comprou mais de duas vezes algum produto indicado por essas pessoas. Entre as pessoas que responderam às perguntas, 70% costuma acompanhar, principalmente, influenciadores da área de moda e beleza.

Confira abaixo o resultado completo da pesquisa:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s