Política

Falta de Vagas nas Escolas Estaduais em Navegantes

Os responsáveis precisam ficar horas passando noites em uma fila aguardando para conseguir uma vaga e matricular seus filhos no Ensino Médio. Ainda assim, alguns não conseguem.

Pais e responsáveis precisam ficar horas e chegam a passar noites em filas, aguardando para conseguir uma vaga e matricular seus filhos no Ensino Médio. Mesmo assim, alguns não conseguem 

A educação municipal de Navegantes vem sofrendo com os novos processos de transferência e ensino nas escolas da rede estadual. Como os colégios municipais não oferecem ensino médio para os estudantes, os pais e responsáveis precisam ficar horas na frente das poucas escolas estaduais para conseguir uma vaga para seus filhos.

A diretora responsável pela Escola de Educação Básica Professora Júlia Miranda de Souza, Marlisa Mohe Batista, explica que a grande dificuldade é abrir o número de vagas que a comunidade necessita e conciliar com a quantidade de alunos em uma sala de aula. O Ministério Público é que regulamenta a quantidade de alunos por metro quadrado (m²) nas salas de aula. Mas mesmo com 15 turmas abertas para os estudantes do primeiro ano do ensino médio, o número de alunos em cada uma delas ultrapassa o limite estipulado pelo Ministério.

A professora Patricia Coelho conta que, só neste ano, dará aula para 700 alunos nos três períodos escolares oferecidos. Cada sala do primeiro ano possui 40 alunos ou mais, e esse excesso dificulta a realização das aulas. “Os alunos que vão para as escolas do Estado acabam tendo que enfrentar a superlotação das salas no ensino médio, porque o município não oferece essa etapa da educação”, diz a professora.

IMG-20170317-WA0010[1]IMG-20170317-WA0011[1]

A diretora Marlisa ressalta que as enormes filas se dão exatamente pelo grande número de transferências e pela busca dos responsáveis por vagas no período matutino, o que faz com que muitos passem a noite na fila. Alguns, por conta disso, nem terminam o ensino médio. Apesar das filas, o colégio “tenta” se adequar e assim ajudar os estudantes, de modo que não sejam prejudicados na vida escolar.

 O vereador Murilo Cordeiro explica que essa divisão de ensino fundamental e médio entre Estado e Município já existe há algum tempo. Por esse motivo, não há na Câmara planos que possam oferecer o ensino médio nos colégios municipais, mesmo na nova gestão.

Soraia Cordeiro, funcionária da Gerência de Educação (Gered), explica que de acordo com a LDB – Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – LDA 9394/96, nos Art. 10 e 11, o Estado deve ajudar o Município com o ensino fundamental, mas que a sua prioridade é ensino Médio. Ambas as partes recebem suas verbas, porém “se o Município não dá conta de oferecer estrutura para a educação infantil, creche e ensino fundamental e o Estado ajuda a ofertar o fundamental por falta de estrutura, como querem ofertar o Ensino Médio?”, questiona.

Carlos Medeiros também é professor na rede estadual. Somente para o primeiro ano do ensino médio leciona em sete salas, além dos outros anos. Ele também reivindica melhorias quanto a esse problema, pois encontra dificuldades para ministrar suas aulas, já que o espaço físico não comporta a quantidade de alunos.

A aluna Fernanda Couto, 14 anos, estuda no colégio Julia Miranda de Souza. Ela conta que só conseguiu uma vaga duas semanas após o início das aulas. O atraso a prejudicou nos estudos, pois as avaliações já estavam sendo feitas e ela não tinha o conteúdo completo para estudar. Sua mãe, Rosane Couto, explica que o colégio tem vagas, mas não abrem para toda a comunidade. Assista no vídeo abaixo:

Reclamações via Redes Sociais

Veja abaixo as reclamações da população nas redes sociais:

IMG-20170317-WA0013[1]
Filas para conseguirem uma vaga na escola
IMG-20170317-WA0014[1]
Reclamações
IMG-20170317-WA0015[1]
Esse problema vem ocorrendo durante alguns anos.
 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s